Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dias Felizes

Dias Felizes

Cicatrizes

Ontem, de pernas ao alto, numa pose iogui, dei por mim a fixar os olhos numa velha cicatriz rente ao joelho esquerdo. Logo então me ocorreu o mapa das cicatrizes e de como uma cicatriz é uma memória imediata do corpo, dos corpos, do que fomos. É como viajar num relâmpago ao instante do rasgão, tiro ou facada, como se viaja, sem que o pensamento consiga extirpar, a todos os instantes decisivos. Por exemplo, o dia 4 de Dezembro, por duas vezes me trouxe episódios memoráveis, quando dois seres carregados de cicatrizes se encontram na esperança de sararem as suas feridas de cães existenciais. A cicatriz do joelho esquerdo é coisa pouca, como são todas as do meu corpo - e dou já três carolos na madeira. Lembro o exacto instante de todas. Essa, resultou de um malho contra uma parede nos prédios amarelos da Av. do Brasil. Estatelei-me com a Tip-Top quando por instantes desviei o olhar para a menina linda que saía do prédio, o meu amor platónico de então. Nunca ela saberá que guardo a sua memória do nada que fomos na cicatriz do joelho. Nunca saberei quem foi quando mulher. O lado esquerdo é o meu lado de todos os massacres e chacinas. Um dia, o Joca, um puto de modos aciganados, resolveu cravar-me um x-acto na palma da mão esquerda, tudo porque se achou encurralado por um ajuste de contas da horda de hunos do bairro de Alvalade. A espichar sangue lá fui ao posto médico, mostrar as entranhas, onde podia ver o tendão branco do pai-de-todos numa papa vermelha e grená. Graças ao descuido do enfermeiro, só levei pontos no dia seguinte, e no lugar de uma pequena cicatriz tenho um lenho de Frankenstein. Parti uma vintena de ossos e guardo uma cicatriz mais funda na memória do choque com a cachola do Godinho, nos alvores da 4ª classe. Parte da cana do nariz ficou na tigela de esmalte do Hospital de Santa Maria, de onde recordo a viagem da anestesia, e de me doparem com uma máscara de aviador. Tenho 17 cicatrizes, de pontos e costuras mais ou menos conseguidos na obra do costureiro, a mais acarinhada de uma circuncisão tardia, que resultou num 3 em 1. Por conta de duas tesouradas inguinais, decidi que era daquela que me convertia à pequena família dos circuncidados. Um dia, à entrada no aeroporto de Israel, levava material suspeito para os policiais de serviço e não fora o arreio forçado e inexplicável das calças, e a confirmação inusitada da ausência de prepúcio, e o mais certo era ter sido detido por suspeita de tráfico de livros cabalísticos.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D