Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dias Felizes

Dias Felizes

Em Busca de um Mundo Melhor (I)

Sabeis de ouvires e me leres e talvez de conheceres de perto e muito perto, que sou paladino fervoroso do Amor e de todas as suas enfunadas facetas, das mais lúbricas às pueris, para assim, espero, atingir o fim último da criação: um mundo melhor, nem que seja enquanto o acasalamento e seus viçosos rituais se faça. O passar dos anos e a meia-idade enternecida levam-me a pensar que a caminhada, a ascese ou a subida das escadas e dos paus de sebo, conforme queiras imaginar o sentido alpinista da vida, se faz de muitas e variadas e infinitas maneiras, cabendo a todos, mais ou menos ágeis, e até desprovidos de força nas pernas, chegar a esse cume de onde tudo se avista. Há os que na sua subida escorregadia pavimentam o chão dos outros de cascas e óleos, que abrem e cavam buracos, acabando muitas vezes enterrados e de tíbias partidas ou mesmo defuntos, em resultado das suas próprias acções. Não serei eu nem nenhum bicho avisado a ditar nada de relevante para que outro o siga, porquanto esse caminho e como o percorre lhe cabe apenas a si. Mas o mundo é certamente mais digno de ser visto quando abrimos a janela, e diante da vista já bela por si, de mar aberto, árvores floridas e brilhos a reverberar, damos por nós, e dou eu por mim, a ver despontarem os seios róseos e firmes de uma bela mulher, enquanto se debruça em afazeres domésticos sobre o estendal, libertando nas cordas tensas a sua beleza potável.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D