Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dias Felizes

Dias Felizes

Gatos

De quantos gatos e gatas posso fazer um retrato físico e psicológico? Na minha árvore genealógica felina houve, de antanho, a Amélia, a Amália e a Emília. Depois, já no pleno vigor de macho, acolhemos, no lar, à vez, a Camila, o Minouche e a Branca, apadrinhados pela matriarca Olga Neves. A vida encarregou-se de levar a tigresa listada de pêlo ruivo e aloirado e de olhos de lince para paragens de que nunca saberemos, tal como o príncipe Minouche, um gatão das sete léguas que o mais certo é ter embarcado para as arábias onde andará a passear o seu bigode vaidoso. A Branca é a senhora desta casa e de outras e de todas para onde viaja como uma Nefertiti. Só passados quatro anos fui informado pelo meu filho enciclopedista desta ser da distinta raça Bombaim, e de bater certo com os seus meneios de goesa lúbrica merecedora de festas e do mais esmerado cardápio. Tratada como princesa de trono atapetado e almofadas de cetim, apesar dos seus apartes gulosos de vadia e vira-latas, goza de direitos adquiridos, tais como passar os seus dias à varanda a namorar as aves, a quem decerto bicaria o cachaço com patas delicadas, como o fez um dia a uma abelha zaranza, perdida das suas flores, que à sua maneira magnânima, devolveu à colmeia.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D