Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dias Felizes

Dias Felizes

Procura-se: Vivo ou Morto

A lei quando nasce não é para todos. Legalmente, um particular pode escolher onde quer pagar os seus impostos e até emigrar para países que não os cobram, porque a sua riqueza (dos países) assim lhes permite. Pagar impostos justos é um acto de cidadania. Impostos que sejam justamente redistribuídos ao abrigo de um Direito Fiscal retributivo e igualitário, de justa hierarquia. A opção em causa, de emigrar para um país que pratica a justiça fiscal, e que contempla um agregado familiar, deveu-se a uma correcção de impostos abusiva, que ditou novos pagamentos por métodos indiciários de uma quantia que o levantamento do sigilo bancário e a demonstração dos argumentos levaria a concluir da injustiça em causa. Bastaria terem-se cruzado dados com as pessoas implicadas na actividade profissional da minha mulher e a justiça teria sido reparada. O Fisco assim não o entendeu e ditou uma sentença irreversível, e apenas contestável pagando honorários e custas de tribunal chorudas. Ou seja, o sistema está feito para a extorsão e o abuso e a injustiça, neste caso flagrante, grave e notória. Falo do particular para o geral, porque ninguém é caso único de nada. Falo sem cinismo ou sarcasmo. Falo de histórias de pessoas minhas conhecidas que estão muito para além da minha, histórias que ditam a pobreza de um povo (ou a riqueza, quando há Justiça). Este tipo de actuação é tão grave e censurável como qualquer actuação de um regime totalitário. A Administração Tributária (AT) é uma entidade supra poderosa e tem ao seu dispor mecanismos de extorsão equiparados a qualquer egrégora despótica. Esta é a minha/nossa vida e assim será longos anos, 11 no total, isto durante o crescimento de duas crianças menores. Quantos portugueses não passam pelo mesmo calados no seu sofrimento? Podemos rir de uma situação destas? Fazer humor, mesmo negro? É como fazer piadas sobre refugiados ou judeus vítimas do Holocausto ou condenados sem justa causa. Há muitos estropiados que não se podem defender, e outros que viverão airosamente na economia paralela. O que me move e moverá até ao fim é apenas isto: ir contra todo e qualquer tipo de injustiça.

 

Wanted

Um homem paga (paga caro) por um crime não cometido. 


Um homem não se faz de vítima.


Um homem é vítima do sistema não é vítima por sistema.


Um homem quer ser Homem porque não pode ser outra coisa na condição humana.


Um homem telefona para o sistema.
Um homem ouve do sistema como se ouvisse a rábula de um pai tirano sem exemplo capaz.


Um homem ouve "a máquina é terrível; a máquina é implacável; a máquina mata lentamente; a máquina tortura, a máquina foi a única capaz de apanhar o Al Capone".

Um homem quer ser o Al mas um homem é só o Sal de alcunha. 


Um homem não tem capote de pau.


Mas um homem é um homem e nenhuma máquina o pode mais do que matar.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D